5 erros que você não deve cometer na troca de óleo

5 erros que você não deve cometer na troca de óleo

5 erros que você não deve cometer na troca de óleo

Todos sabem que a troca de óleo é fundamental para garantir o bom desempenho de qualquer veículo. Contudo, é grande o número de pessoas que cometem erros frequentes ao realizar a troca do produto, não é mesmo?

Pensando nisso, a Suport Parts separou esse artigo especialmente para evitar que você passe por contratempos. Confira 5 erros que você não deve cometer ao trocar o óleo do carro.

 

  • Não desrespeitar o prazo de troca estipulado pelo fabricante

 

Uma das funções do óleo é lubrificar as superfícies internas do motor. Sendo assim, é de extrema importância que você não deixe passar o prazo estipulado entre uma troca e outra. Há quem não se preocupe, mas contar com a sorte não é o recomendado e pode gerar sérios problemas para seu automóvel, afinal, com o passar do tempo o óleo pode se contaminar e oxidar, comprometendo todo o funcionamento do carro e causando desgastes que poderiam ser evitados.

 

  • Não completar o óleo por inteiro

 

Fazer a mistura entre óleo “velho” e novo não é adequado, pois resulta em um lubrificante misto, sem a eficácia dos dois originais. Vale ressaltar que esse é um erro comum de ser cometido, pois muita gente acaba apenas completando. Porém, caso isso aconteça, é primordial que esse óleo misturado seja trocado por inteiro o mais rápido possível.  

 

  • Não misturar óleos distintos (sintético e mineral)

 

Claro que em situações emergenciais como vazamentos, por exemplo, talvez não tenha outra saída a não ser misturar óleos de distintas marcas. Quando essa mistura for necessária, se atente para a base da composição, que deve ser igual a que você vem utilizando. Se certifique se é sintético, mineral ou semissintético e opte pelo correspondente ao seu uso. A escolha diferente da base, viscosidade e grau API e SAE, pode influenciar drasticamente o motor.

 

  • Não deixar de trocar o filtro

 

De nada adianta trocar o óleo e não fazer a troca dos filtros, pois o filtro sempre concentra resíduos do óleo oxidado, o que consequentemente faz o novo óleo envelhecer mais rápido. Desse modo, profissionais especializados indicam a troca simultânea.

 

  • Não deixar pingar óleo no motor

 

Caso pingue óleo no motor, outros componentes do carro podem ser atingidos, como as velas, catalisador e câmara de combustão. Nessa situação, aumenta os gatos com combustível e manutenção.

Agora que você já sabe os principais erros que não deve cometer quando o assunto é troca de óleo, contrate um profissional de confiança para realizar o serviço. Se você está passando por algum dos problemas citados acima, a dica para reduzir os custos gerados pelo prejuízo é investir em manutenção periódica e investir em peças originais, garantindo o custo-benefício. E não para por aí, é de extrema importância adquiri-las em um local de credibilidade. Por isso, quando precisar, fale com a Suport Parts.

Gostou das dicas? Você já cometeu algum desses erros? Conta pra gente aqui nos comentários.